Brasília Amapá |
Manaus

Decisão entre Israel e Hamas traz reflexo de paz na guerr4 no Oriente Médio

Compartilhe

Manaus – Mais uma vez a decisão entre a nação de Israel e o grupo Hamas em libertar reféns, desde o início da guerra, trouxe um reflexo de paz ao civis do Oriente Médio.

De acordo com a agência de notícias estatal palestina Wafa, o grupo libertado neste domingo é formado por adolescentes do sexo masculino.

A quantidade de prisioneiros a serem libertados havia sido adiantada tanto pelos governos do Egito quanto do Catar, que atuam na intermediação das libertações. A trégua na guerra entre Israel e Hamas chegou ao terceiro dia.

O grupo de reféns libertado pelo Hamas neste domingo é formado por 17 pessoas, sendo 14 israelenses e 3 tailandeses. Nesse grupo ainda há um cidadão que tem nacionalidade russa e israelense, que o Hamas libertou a partir da intervenção do presidente da Rússia, Vladimir Putin.

Lista dos reféns libertados:

  • Avigail Idan, 4 anos;
  • Alma Avraham, 84;
  • Aviva Adrienne Siegel, 62;
  • Ron Krivoi, 25;
  • Hagar Brodetz, 40;
  • Ofri Brodetz, 10;
  • Yuval Brodetz, 8;
  • Oriya Brodetz, 4;
  • Chen Goldstein-Almog, 48;
  • Agam Goldstein-Almog, 17;
  • Gal Goldstein-Almog, 11;
  • Tal Goldstein-Almog, 8;
  • Dafna Elyakim, 15;
  • Ela Elyakim, 8;

Uma das reféns mais jovens é Avigail Idan, de 4 anos. A menina, que tem cidadania tanto israelense quanto americana, viu os próprios pais serem assassinados pelo Hamas nos ataques de 7 de outubro.

Com informações do Metrópoles 

Siga-nos no Google News Portal CM7