Brasília Amapá |
Manaus

Mona Lisa pode ganhar ‘Sala Vip’ no Museu do Louvre, em Paris

Compartilhe

Mundo – A Mona Lisa, obra-prima de Leonardo da Vinci e ícone mundial da arte, pode ganhar um espaço exclusivo no Museu do Louvre em Paris. A iniciativa, em estudo pela diretora do museu, Laurence des Cars, visa oferecer uma melhor experiência aos visitantes diante da fama avassaladora da pintura.

“É frustrante não proporcionar aos visitantes a melhor recepção possível, e isso ocorre com a Mona Lisa”, ressalta Laurence. Segundo ela, o Louvre, em parceria com o Ministério da Cultura francês, busca soluções para o problema.

Cerca de 80% dos visitantes do Louvre, mais de 20 mil pessoas por dia, contemplam a Mona Lisa, eternizando o momento com selfies.
Em 2023, o museu recebeu quase 9 milhões de visitantes.

Atualmente, a Mona Lisa reside na “Salle des États”, a maior sala do Louvre. No entanto, a obra-prima divide a atenção com quadros de mestres venezianos do século XVI e a grandiosa pintura “As Bodas de Caná” de Paolo Veronese.

O Louvre limita o número de visitantes a no máximo 30 mil por dia. Essa medida será mantida durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris, segundo Laurence.

Alvo de Ativismo

Além da multidão de turistas, a Mona Lisa também atrai vandalismo e protestos. Em janeiro, ativistas do grupo Riposte Alimentaire atiraram sopa na caixa de vidro que protege a obra, em prol de medidas contra as mudanças climáticas e da agricultura sustentável. Em maio de 2022, um homem jogou uma torta na pintura, usando peruca feminina e cadeira de rodas.


Siga-nos no Google News Portal CM7