Brasília Amapá |
Manaus

“SOS Manaus”: mais de 150 famílias ficaram desabrigadas após temporal na capital

Compartilhe

Manaus – Duas escolas foram disponibilizadas para abrigar 172 famílias, que perderam as moradias após a forte chuva em Manaus neste sábado (25). Com a capital em “Estágio de Atenção”, 126 ocorrências foram registradas na Central 199 da Defesa Civil.

As ocorrências de maior severidade até o momento aconteceram na zona Leste, nos bairros Armando Mendes e Gilberto Mestrinho. Duas crianças foram socorridas com vida após ficarem soterradas.

As famílias estão sendo acolhidas por equipes da Defesa Civil e Secretaria da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), na escola municipal Aristóteles Comte de Alencar, rua I, quadra 35, bairro Armando Mendes, zona leste. E por equipes da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Leste 1, da Semed, na escola municipal Jorge de Resende Sobrinho, na rua Nova Esperança, Tancredo Neves.

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), informou ainda que os prédios das unidades de ensino estão totalmente à disposição das famílias, para que se sintam acolhidas e amparadas.

A Semed não pode afirmar por quantos dias as aulas ficarão suspensas nas duas escolas, mas a ação conjunta da prefeitura trabalha para ser em menor tempo possível.


Siga-nos no Google News Portal CM7