Brasília Amapá |
Manaus

Denúncia: Familiares desesperados são impedidos de visitar presidiários do CDPM 2

Compartilhe

Manaus – Uma pessoa que não quis se identificar enviou uma denúncia para o Portal CM7 informando sobre a situação dos presidiários dentro do Centro de Detenção Provisório Masculino 2, localizado no Km 8, na BR-174.

De acordo com a denúncia, desde quinta-feira, 14, que há revista no local. Na sexta-feira, 15, que é o dia de visita, os agentes penitenciários não permitiram a entrada dos familiares e deixaram apenas que os materias fossem entregues, pois segundo os agentes, estava tendo revista na cadeia.

No dia seguinte, o advogado de um dos presidiários também foi impedido de entrar no local, e foi avisado que só poderia entrar após o término da revista às 15h. Porém, quando retornou não liberaram sua entrada.

A denunciante foi orientada para procurar a Ordem dos Advogados do Brasil e a imprensa, e contar o ocorrido para que algo pudesse ser feito, pois está desesperada em não ter nenhuma notícia de seu parente.

Alguns familiares então se juntaram para pedir que o Direitos Humanos fosse até o CDPM 2, e encontrassem alguma solução. No local, segundo a denunciante, foi encontrado várias armas que não foi divulgado à imprensa, além disso, foi informado de que os presidiários estão sem comer e beber, além de serem torturados. O caos está instalado no local.


Siga-nos no Google News Portal CM7