Manaus 32º
domingo - 4 de setembro de 2022

Dono da Samel acusa Arthur Neto de ter desviado dinheiro público de hospital de campanha em Manaus: “Você é um ladrão!”

Compartilhe

Manaus – O dono do grupo Samel, Luiz Alberto Nicolau, fez fortes denúncias contra Arthur Virgílio Neto, sobre a época em que estava como prefeito de Manaus, desmascarando toda a farsa de “bom samaritano” que o candidato ao Senado tem tentado vender a população. No vídeo, o empresário diz que Arthur nunca teve a intenção de ajudar ninguém e sim roubar.

O empresário se refere ao período em que Arthur teria se aproveitado da primeira onda da pandemia da Covid-19 para desviar dinheiro da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA).

Beto Nicolau disse que recentemente, Arthur soltou uma nota de repúdio para alguns veículos de comunicação, onde citou as vidas salvas com ajuda do hospital no período da pandemia e destacou que muito disso teve sua contribuição.

“Ele diz que o hospital salvou 611 vidas, e o número já está errado porque foram 617. Ele afirmou que ajudou muitas pessoas… Arthur, você não ajudou ninguém! Você não tinha intenção de ajudar, você tinha intenção de roubar!”, disse Alberto.

O empresário ressalta ainda que já chamou Arthur Neto de “ladrão” e reafirma sua opinião, desafiando o ex-prefeito a processa-lo.

“Você fala que vai me processar mas não vai. Seria muito bom, mas você não vai me processar porque lá eu vou poder provar que você é um ladrão mesmo!”, afirmou Alberto.

Durante seu desabafo, o empresário relembra ainda o assassinato do engenheiro Flavio, que ocorreu em setembro de 2019 dentro da mansão do enteado de Arthur, o Alejandro Valeiko, filho de sua esposa, Elisabeth Valeiko.

“Reafirmo tudo que falei de você, que gosta de resolver seus problemas mandando seus capangas que nem fez com o engenheiro Flávio. Comigo você pode resolver do jeito que quiser!”, finalizou o presidente da Samel.

Veja o vídeo:

Vitória Supermercados