Brasília Amapá |
Manaus

Desperdício escandaloso: prefeito de Manicoré investirá quase R$ 1 milhão de reais em muros; veja documento

Compartilhe

Amazonas – A comunidade Democracia, localizada a 331 quilômetros de Manaus, está prestes a testemunhar a construção de muros de proteção na Unidade Básica de Saúde (UBS) e na Escola Municipal.

No entanto, o que deveria ser uma medida de segurança e proteção para a comunidade, tornou-se motivo de indignação devido aos valores astronômicos envolvidos nesse empreendimento.

De acordo com o despacho de adjudicação nº 015/2023  divulgado no Diário Oficial do Município do Estado do Amazonas na última  terça-feira (6), a empresa V.Y Engenharia Ltda, sediada em Manaus, venceu o contrato para a construção dos muros nas áreas da Escola Municipal Sagrado Coração de Jesus e na UBS da comunidade.

O valor total estimado para essas estruturas é de R$ 797.445,55.

Dessa quantia exorbitante, R$ 516.932,28 serão destinados à construção da escola, enquanto R$ 280.513,27 serão utilizados para a edificação do muro da UBS.

Enquanto a comunidade luta para oferecer um ensino de qualidade aos seus jovens e garantir o acesso à saúde básica, vemos cifras exorbitantes sendo destinadas a estruturas físicas.

A escola municipal é o local onde nossas crianças e adolescentes deveriam encontrar um ambiente propício ao aprendizado, com professores bem remunerados e recursos educacionais adequados. No entanto, a construção do muro parece receber mais atenção e financiamento do que a própria qualidade da educação oferecida.

Da mesma forma, a UBS da comunidade precisa de investimentos reais, como a contratação de profissionais de saúde qualificados, a disponibilização de medicamentos e equipamentos adequados, além da melhoria das instalações existentes. Enquanto os recursos são direcionados à construção do muro, as necessidades básicas da comunidade em termos de saúde são negligenciadas.

Veja documento 


Siga-nos no Google News Portal CM7