Manaus 27º
sexta-feira - 3 de dezembro de 2021

‘Bolsonaro me inspirou a voltar para a política. Ele é autêntico !’ revela Alfredo Nascimento

Compartilhe
'Bolsonaro me inspirou a voltar para boa política. Ele é autêntico !' revela Alfredo Nascimento sobre Presidente

Manaus – Em entrevista ao programa Cara a Cara com Cileide Moussallem nesta sexta-feira (3/12),o presidente do Partido Liberal (PL) no Estado do Amazonas, Alfredo Nascimento, revelou detalhes do porquê o presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, escolheu o PL. Além disso, Alfredo Nascimento admitiu ainda que a autenticidade do Chefe do Executivo inspirou o próprio Alfredo a buscar  e regatar uma forma virtuosa de fazer política, expressando seus próprios valores.

Motivação

Alfredo Nascimento revela que já se via desgostoso da política e viu na figura de Bolsonaro uma nostalgia dos tempos áureos de sua carreira política, quando foi eleito o melhor prefeito duas vezes do Brasil, no fim da décadas de 1990 e início dos anos 2000.

“Ser Bolsonaro me motiva, porque é um campo de renovação da política”, introduz o dirigente do PL no Amazonas. “Eu conheci o presidente Bolsonaro na época em que ele ainda era deputado e ele tem esse jeito simplório mesmo. Ele é muito descontraído, muito autêntico. Ninguém faz a cabeça dele. E a gente estava precisando de alguém como ele na política, com autenticidade. Bolsonaro me faz sentir muito como eu me era no início da minha vida política, que vai muito contra o paradigma da formalidade que me foi imposto. Então o Bolsonaro me anima e me faz sentir como se eu estivesse aprendendo tudo de novo e podendo representar o povo novamente”.

Estilos diferentes, mesmo objetivo

O presidente do PL no Amazonas se comprometeu ainda que fará seu melhor para defender as pautas que são típicas dos conservadores e dos aliados do presidente, com sua própria personalidade.

“Eu vou me dedicar a isto. Mas tenho um estilo diferente de brigar. Tenho mais paciência, como o saudoso professor Gilberto Mestrinho já me aconselha e previa antes mesmo d’eu pensar em ser político. E ele dizia: “ninguém faz política sem paciência” e ainda previu que eu entraria nesse ramo. E não é que ele tinha razão ?”

Já apoiava Bolsonaro

Nascimento revelou à comunicadora Cileide Moussallem que já apoiava o atual presidente antes da filiação do mesmo ao PL. Alfredo assumiu ter votado em Jair Messias nas eleições de 2018 contra o PT. Além disso, já havia protagonizado um episódio de ruptura contra a esquerda petista quando apoiou o impeachment de Dilma Rousseff, articulando a favor da aprovação do pedido pela grande bancada do PL.

Motivo para ser o PL

O rigor das diretrizes de fidelidade partidária foram os motivos pelo qual fizeram os apoiadores do Presidente da República escolherem o PL. O ex-senador Alfredo explicou ainda que o partido está 100% comprometido e aliado ao presidente da República, punindo com rigor quem se colocar como insurgência de oposição ao Chefe do Executivo e revelou estar pessoalmente disposto a cumprir essa missão.

“Ninguém vai ser mais Bolsonaro do que eu, quem não estiver com Bolsonaro está fora do partido. O meu partido insiste em dizer isso. Só vai ficar se for Bolsonaro. Se algum dos candidatos se insurgir contra Bolsonaro, eu vou pedir a desfiliação e impedir a candidatura”, relevou o dirigente do PL no Amazonas.

Além disso, Alfredo enfatizou que o partido vota com apoio alinhado nas pautas do congresso.

“Por que Bolsonaro escolheu o PL ? Porque o PL tem linha partidária. O PL é o partido que melhor segue a linha partidária . E como a gente conduz ? A gente vota fechado. E por isso ele escolheu o PL. O PL tem unidade. Quem não manter essa unidade e se sentir incomodado vai sair !”

Futuro de Marcelo Ramos

Indagado sobre o futuro do opositor e atual vice-presidente da Câmara, Alfredo deixou claro: “Ele tá fora ! O presidente aqui sou eu”, brandou Alfredo.  Além disso o presidente do PL no Amazonas também deu dicas para desmascarar as verdadeiras intenções de Marcelo Ramos e avisou o público a ficar atento: “E ele (Marcelo Ramos) ainda disse que está pensando no Amazonas e no Brasil. Será ? Vamos ver onde ele vai estar, com quem ele vai estar, pra onde ele vai”.

Alfredo também disse que o cargo de vice-presidente da Câmara no congresso também não pertence a Ramos. “O caso do Marcelo é que hoje é vice-presidente da Câmara, mas esse cargo não é dele.  É do partido ! Marcelo Ramos está lá porque Bolsonaro ajudou com a escolha da mesa que o colocou”, lembrou Nascimento.

Alfredo Nascimento também disse que as consequências de Ramos insistir em ficar no PL e criar intrigas podem acarretar na perda do próprio mandato como deputado federal e que Marcelo não está numa condição de negociar:  “Se ele insistisse pra ficar, eu que teria que sair, o que é improvável porque eu que tenho história no Partido”, lembrou Alfredo.

Futura maior bancada do Congresso

Alfredo Nascimento também confirmou uma informação revelada pelo deputado federal de Santa Catarina, Bibo Nunes, que deve sair do PSL e ir para o PL.

“Vamos falar de deputados. Com a vinda do Bolsonaro, vamos perder uns 4 deputados de esquerda, nós vamos ganhar outros 30 de direita. Em 2022, seremos uma bancada com mais de 60 deputados na Câmara. Ou seja, vamos se tornar o maior partido no congresso do país”, ressaltou Alfredo Nascimento.

Participação feminina

O presidente do PL no Amazonas também ressaltou o grupo PL Mulher, que mobiliza a inclusão da política feminina e agora abre maior espaço às mulheres de direita no Amazonas.  Na ocasião, Alfredo Nascimento fez um convite especial para que Cileide Mousallem participasse da próxima cerimônia com a união feminina do partido.

Inspiração 

Alfredo Nascimento revelou também que o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), fez menção à Alfredo Nascimento no evento de Inauguração do Centro Integrado Municipal de Educação (Cime) Lúcia Melo Ferreira Almeida nesta do sexta-feira, 3/12. Na ocasião em que homenageava a finada esposa, Davi citou como exemplo de gestão e inspiração o ex-prefeito Alfredo Nascimento.

O presidente do PL no Amazonas admitiu ter se emocionado emocionado como a inauguração do Cime, pelo gesto do atual prefeito homenageando a falecida esposa e ao mesmo tempo investido em educação para Manaus.

Ao lado de Sabá Reis, Secretário Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), que é também filiado ao PL, Alfredo Nascimento ressaltou que David Almeida tem o potencial para se tornar o “melhor prefeito de Manaus” e destacou diversos desafios que Almeida já lidou: “Nós estamos saindo de uma pandemia, mesmo com um déficit  2 bilhões, ele trabalhou muito bem. A prova é a taxa de aprovação de 76% da cidade o apoiando e que deve aumentar agora com a retomada econômica”, ressaltou Alfredo.

 

 

 

 

Vitória Supermercados