Brasília Amapá |
Manaus

Absurdo: Alejandro Valeiko, filho da ex-primeira dama, recebeu Auxílio Emergencial de R$600

Compartilhe

Manaus (AM) –  O filho da ex-primeira dama do município, Alejandro Valeiko, que é réu na investigação do assassinato do engenheiro Flávio Rodrigues, de 42 anos,  virou polêmica novamente no início da tarde desta sexta-feira (13).

De acordo com uma consulta feita no site do Governo Federal, na aba do Auxílio Emergencial 2021, o nome de Alejandro Valeiko aparece na lista dos contemplados, com três parcelas do beneficio, somando R$1.800,00.

Veja

Benefício este que foi destinado através do Governo Federal  apenas para pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social provocada pela pandemia, realidade que Valeiko provavelmente desconhece, visto que vive um padrão de vida considerado alto na sociedade manauara, dividido entre viagens nacionais e internacionais, e  um apartamento milionário no bairro Tarumã.

Apartamento este que foi cenário de uma tragédia, do assassinato do engenheiro Flávio, em setembro de 2019.

Caso Flávio

O homicídio do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos ocorreu no dia 29 de setembro de 2019, após uma festa na casa de Alejandro Molina Valeiko, filho da primeira dama, Elizabeth Valeiko.

Segundo a polícia, os amigos estavam na casa de Alejandro Valeiko bebendo e usando drogas. De repente, começou uma discussão, seguida de agressões com facas. O engenheiro Flávio dos Santos foi brutalmente esfaqueado e morreu.

Ainda de acordo com a polícia,  Flávio Rodrigues, foi encontrado morto no bairro Tarumã, na tarde de segunda-feira, 30 de setembro de 2019. O local onde estava o corpo fica próximo à casa de Alejandro.

Alejandro chegou a ser preso, foi liberado, passou a ser monitorado por uma tornozeleira eletrônica e agora vive tranquilamente, enquanto não há um parecer jurídico. O caso segue sendo investigado na Justiça do Amazonas.

 

 


Siga-nos no Google News Portal CM7