Manaus 29º
terça-feira - 19 de janeiro de 2021

Defensoria Pública pede na Justiça a prorrogação do auxílio emergencial em todo o Amazonas

Compartilhe

A Defensoria Pública da União (DPU) entrou com processo na Justiça Federal para que o auxílio emergencial seja prorrogado em todo o Amazonas por mais dois meses. Diante da pandemia, do comércio fechado e dos mortos e doentes por Covid, a DPU entende que a prorrogação precisa ser imediata no Amazonas.

As atividades econômicas não essenciais estão proibidas de abrir desde 2 de janeiro, e devem continuar fechadas até 31 de janeiro. O estado também está sob toque de recolher de 19h às 6h, para impedir o avanço da Covid-19. São mais de 230 mil casos e 6 mortos. O Auxílio Emergencial começou em abril e terminou em  dezembro.

Em nota, a Advocacia Geral da União (AGU) informou que não comenta processos em tramitação judicial.

 

Vitória Supermercados