Brasília Amapá |
Manaus

“Vão sair do PL?”: Coronel Menezes e filha são vistos em evento do União Brasil; veja vídeo

Compartilhe

Brasil – Na movimentada manhã deste sábado (16), o cenário político de Manaus ganhou destaque com a presença do Coronel Menezes e sua filha, a deputada Débora Menezes, em um evento do União Brasil. Ambos são filiados ao Partido Liberal (PL), o que levantou uma série de especulações e questionamentos entre os observadores políticos da região.

O Coronel Menezes, atualmente pré-candidato a vice na prefeitura de Manaus na chapa “Puro Sangue”, que compõem ao lado do deputado Federal Alberto Neto (PL-AM), foi visto no palanque do União Brasil, ao lado do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade. O evento marcou a posse oficial de Roberto Cidade na presidência do diretório municipal do União Brasil na capital amazonense.

Essa súbita aparição de Menezes e sua filha em um evento de uma sigla diferente daquela à qual são filiados tem gerado especulações sobre as intenções políticas dos mesmos. Alguns analistas políticos levantam a possibilidade de que ambos estejam buscando uma parceria entre o PL e o União Brasil, visando fortalecer suas posições no cenário eleitoral. Outros vão além, sugerindo que poderia ser um prenúncio de uma mudança de partido em um ano crucial de eleições, o que tem alimentado ainda mais os rumores.

Os opositores políticos não tardaram a reagir, interpretando a presença de Menezes e Débora como uma possível “traição contra a direita Amazonense”, enquanto outros ponderam que poderiam estar sondando outras siglas, especialmente se o prefeito David Almeida decidir migrar do Avante para o Partido Liberal, com a aprovação de Alfredo Nascimento.

O evento, que ocorreu na quadra da Escola de Samba Aparecida, foi marcado pelo anúncio oficial da posse de Roberto Cidade na presidência do diretório municipal do União Brasil em Manaus. Ao lado do governador Wilson Lima, presidente do União Brasil no Amazonas, foram nomeados mais 17 dirigentes para presidir as comissões municipais da legenda em municípios do interior do estado, totalizando 49 dirigentes até que eleições sejam realizadas para as composições definitivas.


Siga-nos no Google News Portal CM7