Brasília Amapá |
Manaus

Prefeito de Itacoatiara será investigado por suspeita de favorecer familiares no bolsa familia

Compartilhe

Manaus- O Ministério Público Federal (MPF) vai investigar uma denúncia de que o prefeito de Itacoatiara (a 170 quilômetros de Manaus) Antônio Peixoto de Oliveira (PT) teria inscrito de forma indevida duas filhas e uma nora dele no programa Bolsa Família do governo federal.

A portaria de abertura do inquérito civil, publicada na edição de sexta-feira do Diário Eletrônico do MPF, foi assinada pelo procurador da República Alexandre Jabur, coordenador do Núcleo de Combate à Corrupção da Procuradoria da República no Amazonas (PR-AM).

A denúncia dá conta de que o prefeito teria  incluído  entre os beneficiários do programa de transferência de renda para famílias em situação de vulnerabilidade social  suas filhas: Mariza de Oliveira Pessoa e Aira Oliveira de Castro, e a nora: Alessandra Sabino de Oliveira, “embora estas não sejam pessoas de baixa renda, não fazendo, portanto, jus ao recebimento do benefício”.

Uma das medidas tomadas pelo procurador foi a solicitação de informações do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) sobre a qualificação e pagamentos realizados à  Mariza de Oliveira Pessoa, Aira Oliveira de Castro e Alessandra Sabino de Oliveira, referentes ao Bolsa Família em  Itacoatiara nos últimos cinco anos.

 


Siga-nos no Google News Portal CM7