Brasília Amapá |
Manaus

Nova pesquisa eleitoral mostra David Almeida liderando disputa pela Prefeitura de Manaus; veja dados

Compartilhe

Manaus – O Instituto de Pesquisas do Norte (IPEN) divulgou uma terceira rodada de pesquisas sobre a disputa pela Prefeitura de Manaus nas eleições 2024.

Nos novos resultados, David Almeida (Avante) registrou um aumento em comparação ao levantamento anterior, realizado em maio. Enquanto isso, Alberto Neto (PL) teve uma queda brusca em seus números. Amom Mandel (Cidadania) permaneceu em segundo lugar, mas também apresentou uma redução no apoio durante o período.

Segundo os dados do IPEN, David Almeida lidera com 35,9% da preferência dos eleitores. Em seguida, vem Amom Mandel, com 23,8%. Roberto Cidade (UB) alcança 9,3%, e Capitão Alberto Neto (PL) registra 6,1% nesta pesquisa. Marcelo Ramos (PT) mantém 5,2% das intenções de voto; Maria do Carmo Seffair, 3,3%; Wilker Barreto, 1,3%; e Gilberto Vasconcelos aparece com 0,5%.

Em um possível segundo turno, David Almeida vence todos os seus concorrentes. Atualmente, Amom Mandel seria o adversário do atual prefeito na disputa pela reeleição, mas de acordo com as entrevistas coletadas pelo IPEN, ele perderia para David por 46% a 39,5%.

Comparando com a pesquisa anterior, David Almeida teve um crescimento significativo, possivelmente devido ao aumento de sua presença em eventos e inaugurações. Em maio, ele detinha 30,5% das intenções de voto, contra os atuais 35,9%.

Amom Mandel, alvo de críticas intensas nas redes sociais por seus adversários, viu sua popularidade diminuir, passando de 27,5% para 23,8%, uma queda de 3,7% em relação à pesquisa anterior.

Alberto Neto, que inicialmente considerava perseguir Amom e confiava em um possível apoio do ex-presidente Jair Bolsonaro em Manaus, experimentou uma queda acentuada, perdendo quase 5% em comparação com a pesquisa anterior, onde tinha 10,9%.

Por outro lado, Roberto Cidade apresentou um leve crescimento, passando de 8,7% para 9,3%. Como presidente da Assembleia Legislativa do Estado (ALEAM), ele tem realizado reuniões frequentes nos bairros da cidade.

Marcelo Ramos (PT), apesar de seu engajamento nas redes sociais e das polêmicas com Amom, manteve-se estável com 5,2% das intenções de voto.

Wilker Barreto teve uma queda nas intenções de voto, passando de 2,6% para 1,3%, enquanto Maria do Carmo Seffair registrou um crescimento de 2,2% para 3,3%.


Siga-nos no Google News Portal CM7