Manaus

Diversificação da economia do Estado e incentivo à produção rural são bandeiras do deputado Roberto Cidade

Compartilhe

Amazonas – Incentivador de iniciativas que favoreçam o setor primário e, consequentemente, a economia e a geração de emprego e renda, o deputado estadual Roberto Cidade (UB), presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), é autor de leis de incentivo à produção rural e maior desenvolvimento deste segmento produtivo no Amazonas.

Dentre as leis apresentadas pelo parlamentar está a que cria o “Selo Produto Amazonense”, de incentivo ao consumo de hortifrutigranjeiros produzidos no Estado, além de queijo, leite, doces, compotas, ração para pets e outros.

“Este selo quer, sobretudo, fortalecer a economia estadual por meio de incentivo à aquisição de produtos e matérias-primas dos produtores do Amazonas. Esse incentivo estimula o consumo do que é produzido no estado e, ao mesmo tempo, fortalece a cadeia produtiva, aumentando a demanda por mão de obra e aquecendo a nossa economia”, afirmou.

O “Selo Produto Amazonense” é concedido pela Secretaria de Produção Rural do Amazonas (Sepror), que comprova a procedência e atesta a qualidade do produto. Outra forma de incentivo ao produtor é dispor de local específico nos hipermercados, supermercados e estabelecimentos comerciais para a venda da produção regional.

“Nosso objetivo é fazer com que o consumidor se sinta motivado a prestigiar a cadeia produtiva primária do Amazonas. Temos produtos regionais de muita qualidade e que, muitas vezes, não são consumidos em maior escala, simplesmente, porque o consumidor não consegue ter acesso. Esse selo tem o objetivo também de viabilizar mais espaços, disponibilizar de mais e melhores condições para que a produção local seja vista e, sobretudo, consumida”, afirmou.

Melhorias na trafegabilidade

Além de projetos, Cidade é autor de requerimentos e indicações que pedem a recuperação de vicinais para melhorar o escoamento de produtos do setor primário. Foi assim com os pedidos encaminhados à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), para que realizasse obras de infraestrutura e de pavimentação nos ramais do Leão, da Cooperativa, Pau Rosa, ZF-1 e Santo Antônio; Novo Paraíso, Cláudio Mesquita, Frederico Veiga e Sol Nascente.

Cidade também acionou a Seinfra, por meio de requerimentos, para que realizasse melhorias no Ramal do 72 e na Comunidade Santa Maria, zona rural de Autazes; outra iniciativa do parlamentar foi o encaminhamento de solicitações para que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) solucionasse os problemas causados pela queda de duas pontes na rodovia BR-319, sobre os rios Curuçá e Autaz-Mirim.

“Sabemos que um dos principais gargalos dos produtores rurais está na condição de trafegabilidade, por isso, nosso mandato sempre esteve atento às demandas dos produtores rurais, sobretudo, na questão das vicinais. Todas as demandas que chegaram ao nosso gabinete foram encaminhadas para as secretarias responsáveis e nós fizemos o acompanhamento para atestar que foram realizadas. Agradeço ao governo do Estado por sempre olhar com sensibilidade para as nossas demandas”, falou.

Como forma de contribuir com a produção rural no Estado, Cidade participou ainda de audiência pública realizada na Câmara Municipal de Rio Preto da Eva, que tratou sobre o trabalho dos produtores rurais do município.

“Fazer política no Amazonas é um desafio. Nós somos o maior estado da federação, temos muitas peculiaridades, uma biodiversidade muito grande e precisamos unir forças para reaquecer a nossa economia. Não podemos deixar que essa dependência exclusiva da Zona Franca de Manaus (ZFM) se perpetue. Por isso, é necessário que façamos tudo o que estiver ao nosso alcance para que todas as formas de produção e geração de emprego e renda se expandam e proporcionem prosperidade, melhores condições de vida à população. Nosso mandato tem esse objetivo e esses esforços serão renovados na nova legislatura”, garantiu.