Brasília Amapá |
Manaus

Desrespeito aos mortos: Renato Afonso deixa cemitério abandonado e tomado pela lama e mato em Pauini; veja vídeo

Compartilhe

Amazonas – Moradores de Pauini, um município no interior do Amazonas, estão revoltados com a situação de abandono do cemitério local.

Segundo denúncias, o local está tomado por lama e mato, dificultando o acesso e deixando um ambiente desrespeitoso para os entes queridos já falecidos.

A situação é tão crítica que, mesmo durante datas importantes como o Dia das Mães, os moradores não puderam prestar suas homenagens adequadamente.

A falta de manutenção e cuidados no cemitério transformou o espaço em um local perigoso e insalubre, além de um ponto de encontro para usuários de drogas e abusos sexuais durante a noite.

Relatos dos Moradores

Maria de Souza, moradora de Pauini, expressou sua indignação: “É um desrespeito com os nossos falecidos e com as famílias que querem prestar homenagens. A situação está insustentável, com lama e mato por todos os lados. Nem mesmo no Dia das Mães conseguimos visitar nossos entes queridos.”

Outro morador, José Carlos, destacou o perigo que o abandono do cemitério representa: “À noite, o cemitério vira um lugar perigoso. Já presenciei usuários de drogas e ouvi relatos de abusos. Isso precisa acabar, é um desrespeito com a nossa comunidade.”

Falta de Ação da Prefeitura

A revolta dos moradores é agravada pela aparente indiferença da administração municipal. Renato Afonso, prefeito de Pauini, não tomou medidas significativas para resolver o problema, deixando a população ainda mais frustrada. “Parece que ele não se importa com nossos entes queridos. Estamos abandonados e desamparados”, disse Maria de Souza.

Apelo por Soluções

A comunidade de Pauini está unida em um apelo urgente por ações concretas. Os moradores exigem que a prefeitura tome medidas imediatas para limpar e revitalizar o cemitério, garantindo um espaço digno para homenagear seus entes queridos.

Além disso, pedem por uma maior segurança no local para evitar que ele continue sendo utilizado para atividades ilícitas.

Este clamor por respeito e dignidade é um reflexo do sentimento de abandono e descaso que permeia a cidade.

O prefeito da cidade, Renato Afonso, precisa responder às demandas da população e garantir que o cemitério de Pauini volte a ser um local de paz e reverência.

Veja vídeos e fotos 


Siga-nos no Google News Portal CM7