Brasília Amapá |
Manaus

Veja momento que homem é julg4do e recebe sentença pelo tr1bunal do cr1me; cenas f0rtes

Compartilhe

Brasil – Na noite desta quinta-feira (11), a cidade de Porto Velho, foi palco de um brutal assassinato que chocou a comunidade local.

Rafael Soares Reis, um jovem de 22 anos e ex-presidiário, foi morto com 11 tiros de pistola após passar por uma sentença do “tribunal do crime” no residencial popular Orgulho do Madeira, situado no bairro Jardim Santana.

Segundo relatos, o jovem, que era membro de um grupo criminoso, foi levado por vários indivíduos para em um apartamento, onde enfrentou um tribunal do crime, resultando em sua sentença de morte.

As mãos de Rafael foram amarradas para trás com uma camisa, sendo posteriormente conduzido para a parte traseira do residencial, onde foi cruelmente executado com múltiplos tiros de pistola nas costas e na cabeça.

O crime, registrado por um dos criminosos em um celular, logo se espalhou pelas redes sociais, causando indignação e revolta entre os moradores da região.

A ação criminosa expôs a brutalidade do submundo criminal, evidenciando a falta de segurança e a presença de grupos violentos na área.

Após a realização da perícia, constatou-se que Rafael foi atingido por 11 tiros.

O corpo foi removido pelo rabecão e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para procedimentos de necropsia.

Veja vídeo 


Siga-nos no Google News Portal CM7