Manaus 32º
segunda-feira - 26 de setembro de 2022

Polícia confirma que cantor Armando Lessa foi morto a tiros e teve corpo jogado em rio

Compartilhe

Manaus – A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) confirmou, nesta segunda-feira (26), que o cantor Armando Lessa, de 26 anos, foi morto no dia 26 de agosto deste ano, com um tiro de revólver calibre 38, após uma discussão em um barco e, posteriormente, teve seu corpo jogado no rio.

Ainda conforme a PC-AM, dois homens, de 38 e 58 anos, que foram presos no decorrer das investigações do desaparecimento de Armando tiveram suas prisões temporárias convertidas em preventivas pela Justiça.

Armando desapareceu no dia 26 de agosto, quando viajava de Manaus para o município de São Gabriel da Cachoeira, no interior do Amazonas, em uma lancha expresso. Segundo familiares, ele foi visto pela última vez por volta das 22h, antes da embarcação fazer parada no município de Santa Isabel do Rio Negro.

O cantor trabalhava com o pai, que possui uma empresa voltada ao fornecimento de palcos para apresentações, e estava a caminho de São Gabriel para acompanhar a montagem de uma estrutura em um evento no município.



Vitória Supermercados