Brasília Amapá |
Manaus

Homem que mat0u a própria mãe por causa de droga em Manaus não demonstra arrependimento ao ser preso; veja vídeo

Compartilhe
Homem que mat0u a própria mãe por causa de droga em Manaus não demonstra arrependimento ao ser preso; veja vídeo

Manaus – Na tarde dessa sexta-feira (19) Izequias Lima da Silva, de 23 anos, foi preso após ser reconhecido por populares no bairro Chapada, zona Centro-Sul de Manaus. Ele foi preso em frente a uma Igreja e não esboçou nenhuma emoção ou reação de arrependimento ao ser questionado pelos policiais e populares.

Veja vídeo:

O rapaz estava foragido desde o dia 13 deste mês, quando assassinou a própria mãe e esfaqueou a avó no bairro Cidade Nova, zona Norte da capital. O popular que reconheceu Izequias, mesmo nervoso, acionou rapidamente os policiais da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (ROCAM), que capturaram o acusado e o encaminharam a sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).   

Uma coletiva de imprensa deverá ser marcada nas próximas horas para mais informações.

Relembre o caso

Uma mulher identificada como Shirley Lima da Silva, de 50 anos, foi morta a facadas pelo próprio filho identificado com Izequias Lima da Silva, de 23 anos. O crime aconteceu na noite do dia 13 de maio, na rua do conjunto Ribeiro Júnior, na Cidade Nova, zona norte de Manaus.

De acordo com as equipes da 15ª Cicom que atenderam a ocorrência, por volta das 23:00hs foi repassado através de ligação a informação de um possível homicídio e tentativa de homicídio naquela área. As equipes policiais se deslocaram até o local do fato, onde vizinhos relataram que uma mulher  havia sido atacada pelo seu filho que estava armado com uma faca.

A vítima foi golpeada várias vezes. Na ocasião, o homem também atacou a avó que foi esfaqueada no peito, nas costas e nas mãos. Após o crime o homem fugiu tomando rumo desconhecido, deixando  as duas mulheres gravemente feridas.

As vítimas foram socorridas por familiares e levadas para o Serviço de Pronto-Atendimento (SPA) do Galileia. Conforme a equipe médica, Shirley  veio a óbito com três perfurações de faca, sendo uma atingida na região da  barriga e três nas costas.

Segundo informações repassadas para a  polícia o homem seria usuário de drogas e estaria transtornado quando atacou a mãe e a avó.  Quando Shirley foi enterrada, a mãe dela, avó do suspeito, estava internada e não teve a chance de se despedir.  A idosa recebeu alta e se recupera em casa.

 


Siga-nos no Google News Portal CM7