Manaus 32º
segunda-feira - 7 de fevereiro de 2022

Dono de time infantil de futebol é preso acusado de abusar sexualmente de crianças

Compartilhe

Brasil – Moradores do pequeno município cearense de Russas acordaram estarrecidos com a notícia da prisão de um homem que mantinha um time de futebol infantil. Conhecido como Mazinho Lima, o suspeito foi localizado e detido por policiais civis do Distrito Federal por armazenar centenas de fotos e vídeos com conteúdo pornográfico envolvendo, principalmente, crianças. O acusado teria comprado os arquivos de um outro pedófilo, que teria abusado sexualmente de pelo menos 7o menores de 18 anos em várias unidades da Federação, incluindo o DF.

Lima era conhecido na cidade, que conta com 77 mil habitantes. Antes de família humilde, o presidente do time foi adotado e criado por um casal de classe média. “Todos conheciam ele na cidade pelo trabalho que fazia com as crianças e adolescentes. Ninguém imaginava que ele poderia ser um pedófilo e manter essas imagens de pornografia infantil”, disse uma moradora de Russas que conversou com a coluna.

Segundo a mulher, Mazinho mantinha uma série de perfis nas redes sociais e costumava postar fotografias sempre na companhia de crianças e adolescentes, alguns dentro de casa, deitado na cama ou sem camisa. Um dos locais mais fotografados era um quarto que ficava nos fundos da residência e que tinha temática infantil.

De acordo com as investigações que resultaram na deflagração da Operação Innocentem, em julho do ano passado, um outro pedófilo foi preso no Piauí em razão de ter atraído diversas crianças por meio de redes sociais e jogos on-line. Ele convencia as vítimas a enviarem fotos nuas ou praticando atos sexuais. Em dezembro, o criminoso foi condenado a 21 anos e 3 meses de prisão.

As investigações continuaram e, assim, o presidente do time infantil foi identificado. Ele adquiria as fotos do criminoso detido no Piauí. Os policiais cumpriram buscas nos endereços vinculados ao investigado na cidade de Russas e o prenderam em flagrante pelo armazenamento de diversas imagens de meninos sem roupa em seu aparelho celular.

Com informações Metrópoles

Vitória Supermercados