Manaus 32º
quarta-feira - 18 de maio de 2022

Coordenadora do Crás já teve carro apreendido pela Polícia Federal enquanto transportava droga

Compartilhe

Manaus — Na tarde desta terça-feira (17), Railssa Aguiar de Almeida, de 40 anos, coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Alvorada, zona Centro-Oeste de Manaus,  foi presa pela suspeita de tráfico de drogas.

Além da coordenadora, o marido dela, Vanderley Rodrigues Alves, de 50 anos, também foi preso. A ação foi solicitada pelo juiz Julião Lemos Sobral Júnior, da 3ª Vara Especializada em Crimes de Uso e Tráfico de Entorpecentes. O pedido de prisão já tinha sido expedido no dia 13 de abril. 

Segundo informações, o casal foi preso em uma ação da Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada em Crimes Contra mulheres.  Railssa e Vanderley  foram encaminhados para delegacia.  Nesta quarta-feira (18), possivelmente serão transferidos para uma unidade  prisional da capital.

Droga no carro 

A Polícia Federal apreendeu no dia  5 de outubro de 2007 no Porto de Manaus, uma quantia significativa de drogas dentro do  carro de Railssa Aguiar de Almeida, quem dirigia o veiculo modelo Fox, de placa JXJ 4426, era seu  esposo, Vanderley Rodrigues Alves.

 

Vitória Supermercados