Manaus 32º
sexta-feira - 2 de setembro de 2022

Rússia corta fornecimento de gás natural à Europa por tempo indeterminado

Compartilhe
Rússia corta fornecimento de gás natural à Europa por tempo indeterminado

Mundo – A Gazprom, empresa de energia controlada pelo Kremlin, informou nesta sexta-feira, 2, que manterá o Gasoduto Nord Stream fechado. A companhia alega ter encontrado uma falha técnica durante a manutenção do oleoduto que liga a Rússia à Alemanha. Não há prazo para o retorno das atividades.

O Nord Stream deveria retomar os trabalhos no sábado 3, depois de três dias de manutenção. Antes dos reparos, o gasoduto estava operando com 20% de sua capacidade.

A Rússia começou a limitar o suprimento de gás natural em junho. Na ocasião, o Kremlin atribuiu os problemas do gasoduto às sanções impostas pelas potências ocidentais. Os governos europeus, por sua vez, acusaram o presidente Vladimir Putin de usar o Nord Stream como instrumento político.

Um desligamento completo do gasoduto obrigará os países europeus a acelerarem seus esforços para se tornar independentes do gás natural, mostra reportagem publicada pelo The Wall Street Journal. Isso porque há alta demanda por energia nos meses de inverno, o que poderia provocar um racionamento.

Essa medida também prejudicaria as empresas industriais e derrubaria a economia do continente. Ao mesmo tempo, privaria o Kremlin de exercer sua influência econômica na Europa.

 

Com informações via Revista Oeste

Vitória Supermercados