Brasília Amapá |
Manaus

‘Míssil que atingiu Hospital em Gaza foi disparado pelo Hamas’, diz EUA; veja vídeo

Compartilhe

Mundo – Um vídeo divulgado nesta sexta-feira (20) pelo Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos parece confirmar as acusações de Israel de que o míssil que atingiu um hospital em Gaza na terça-feira (17) foi disparado pelo Hamas.

As imagens capturadas por uma câmera de segurança da Al Jazeera são reveladoras. O vídeo mostra claramente um míssil sendo lançado de um local próximo ao hospital. O míssil sobe no céu e, de maneira deliberada, muda de direção, atingindo o hospital.

O Ministério da Saúde de Gaza relatou que o ataque terrível matou 471 pessoas, incluindo 120 crianças. Enquanto o Hamas negou categoricamente ser responsável pelo disparo do míssil, as imagens contidas no vídeo parecem contradizer essa afirmação do grupo.

Esse novo elemento adiciona peso às acusações de Israel de que o Hamas está usando civis como escudo humano em seus ataques. O grupo palestino já enfrentou alegações anteriores de usar escolas, hospitais e mesquitas para armazenar armas e lançar mísseis contra Israel.

O conflito entre Israel e o Hamas teve início em 10 de outubro, após um ataque do grupo palestino a Israel que resultou na morte de pelo menos 14 pessoas. Desde então, Israel respondeu com uma série de ataques aéreos em Gaza, resultando na morte de mais de 2.000 palestinos, em sua maioria civis.

O Hamas, por sua vez, disparou mísseis contra Israel, resultando na morte de 12 pessoas, incluindo um soldado israelense.

Até o momento, o conflito não encontrou uma resolução e as negociações de paz permanecem paralisadas, deixando a comunidade internacional preocupada com a escalada da violência na região.


Siga-nos no Google News Portal CM7