Brasília Amapá |
Manaus

Hamas x Israel: 13 israelenses são libertados na trégua de 4 dias

Compartilhe

Mundo – O primeiro grupo de reféns israelenses foi libertado às 11h (16h, no horário local) desta sexta-feira (24/11).

Os 13 primeiros estariam sob custódia da Cruz Vermelha no Egito. A soltura é resultado de uma trégua que começa hoje, um dia após a data prevista no anúncio original, e vai durar quatro dias.

Tanto o grupo extremista Hamas quanto Israel firmaram um acordo de cessar-fogo para que 50 reféns, sendo estes mulheres e menores de 19 anos, sejam libertados em troca de 150 mulheres e adolescentes palestinos detidos em Israel.

Os 50 reféns na Faixa de Gaza, dos cerca de 240 sequestrados pelo Hamas em 7 de outubro, início das ofensivas do grupo extremista contra o território israelense, devem ser libertos em grupos, provavelmente, uma dúzia por dia até o fim do cessar-fogo.

Está previsto que 39 crianças e mulheres palestinas mantidas em prisões israelenses serão libertas nesta sexta, enquanto o grupo extremista libertará 13 reféns, de acordo com informações da emissora estatal egípcia Al Qahera News.

Mas ainda não há confirmação de que eles foram liberados.

Tal número segue a proporção de três palestinos soltos para cada refém em Gaza.

Com informações Metrópoles 

Siga-nos no Google News Portal CM7