Manaus 32º
quinta-feira - 18 de agosto de 2022

Você lembra dele? Vídeo chocante mostra o que acontece com quem mata trabalhador; veja

Compartilhe

Brasil – O bandido Carlos Alberto Marinho de Almeida, mais conhecido como Camundongo, de 33 anos, foi capturado e sentenciado por traficantes do Rio de Janeiro. Ele é o principal suspeito de ter assassinado um taxista em fevereiro deste ano, por causa de R$70. 

De acordo com informações, o taxista era Herivelton Figueiredo da Silva, de 47 anos, foi assassinado por Camundongo após se recusar a pagar a taxa de R$70 que o criminoso estava cobrando de todos os taxistas que estacionavam Rua Carolina Machado, em frente à Estação de Madureira. Camundongo se autointitulava “dono do ponto”.

Desde então o assassino estava foragido mas acabou sendo pego pelos traficantes e punido no ‘Tribunal do Crime’. Ele foi espancado, queimado e furado com pedaços de madeira.

“Fala que é o Camundongo que manda aqui. Fala que é ele na pista”, disse os traficantes.

Veja vídeo:

Vitória Supermercados