Manaus 32º
terça-feira - 22 de novembro de 2022

Urgente: Erasmo Carlos, um dos pioneiros do rock brasileiro, morre aos 81 anos

Compartilhe

Brasil – Erasmo Carlos, o Tremendão, vai deixar saudade! Aos 81 anos, o cantor, compositor, ator e multi-instrumentista morreu nesta terça-feira, 21 /11, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada por uma fonte ligada a família do artista. Em outubro, Erasmo foi internado, recebeu alta, mas voltou ao hospital na noite de segunda-feira, 21. A causa oficial da morte ainda não foi divulgada.

O diretor Boninho fez um post nas redes sociais lamentando a morte.

Conhecido por ser um dos pioneiros do rock brasileiro e por sua parceria com Roberto Carlos, ele deixa um grande legado para a música no Brasil. Foram 50 anos de estrada, mas de 500 canções e muitos sucessos, como “Além do Horizonte”, “É Preciso Saber Viver”, “O Bom”, que ultrapassam gerações e ficaram na memória do público.

Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderléa ainda são uma 'brasa

Nascido e criado na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro, Erasmo sempre foi apaixonado por música. A Bossa Nova e o rock’n’roll despertaram o artista que existia dento dele. Na vila onde morava, o cantor aprendeu a tocar violão com Tim Maia. Mais tarde, fez parte de um grupo que tinha Tim e Roberto Carlos, mas a banda foi desfeita após uma briga entre Tim e Roberto. Erasmo e Roberto tinham muitas coisas em comum como a paixão por Elvis Presley e torcer pelo Vasco da Gama.

Junto com Wanderléa e Roberto, Erasmo foi um dos principais representantes da Jovem Guarda, movimento musical e cultural dos anos 60 e 70. Na TV Globo, o artista foi homenageado com o programa “Erasmo Convida” e chamou cantores para participarem do especial com ele em 1982. Caetano Veloso, Gal Costa, Jorge Ben Jor, Maria Bethânia, Nara Leão, Roberto Carlos entre outros estiveram com ele no palco.

 

Com informações de GShow*



Vitória Supermercados