|
Manaus

Tentando apagar o passado no JN Lula diz: ‘A corrupção só aparece quando você permite que ela seja investigada’; veja vídeo

Compartilhe

Brasil  – O candidato à Presidência da República do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) declarou que o “equivoco” da Operação Lava-Jato foi ultrapassar o limite da investigação e entrar na política. Em entrevista ao Jornal Nacional nesta quinta-feira (25), o ex-presidente afirmou que o objetivo da força-tarefa era “condenar o Lula”.

“Falei ao (Sergio) Moro que ele estava condenado a me condenar, porque permitiu a mentira ir longe demais e aconteceu exatamente o que eu previa”, declarou.

O candidato também foi questionado sobre a corrupção nos seus primeiros mandatos e o que pretende fazer para evitar novos escândalos em um possível novo governo. Em resposta, Lula destacou que “a corrupção só aparece quando você permite que ela seja investigada”, e que pretende dar toda autonomia para a autarquias como a Polícia Federal e o Ministério Público Federal para investigar quaisquer erros que possam existir.

“No meu governo, o Ministério Público era independente, e a Polícia Federal recebeu mais liberdade do que em qualquer outra gestão”, comentou, citando ainda as interferências do presidente Bolsonaro no comando na PF.

Veja o vídeo: