Brasília Amapá |
Manaus

Projeto sobre mediação judicial no Brasil é apresentado à Suframa

Compartilhe

Amazonas – O superintendente da Suframa, Bosco Saraiva, acompanhado do superintendente-adjunto Executivo, Luiz Frederico Aguiar, recebeu nesta terça-feira (2), na sede da Autarquia, o presidente do Fórum Nacional da Mediação e Conciliação (Fonamec), Gildo Alves de Carvalho, e o presidente executivo do Centro das Indústrias do Estado do Amazonas (Cieam), Lúcio Flávio Morais de Oliveira, que apresentaram à Suframa um projeto sobre mediação judicial no país, com foco na Zona Franca de Manaus.

De acordo com o presidente da Fonamec, o projeto, desenvolvido em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, tem como foco central “Presente e Futuro da Mediação Judicial no Brasil”, com o objetivo de aprofundar o entendimento e aprimorar os mecanismos de resolução de conflitos no sistema judiciário brasileiro, com ênfase em questões relevantes para a região da Zona Franca de Manaus.

“É uma conciliação qualificada, com ciência, será uma ferramenta valiosa para a resolução eficiente e célere de litígios, com potenciais benefícios expressivos para as empresas, a comunidade e as instituições governamentais”, destacou.

O superintendente da Suframa, Bosco Saraiva, ressaltou a importância do projeto, destacando a parceria com a Fundação Getúlio Vargas, que assegura a qualidade e a imparcialidade do estudo.

“É preciso construir um ambiente jurídico cada vez mais transparente e propício aos negócios na Zona Franca de Manaus, portanto, podem contar com a Suframa no apoio deste projeto importantíssimo para nossa região”, afirmou.


...........

Siga-nos no Google News Portal CM7