Brasília Amapá |
Manaus

Hemoam agiliza marcação de exames de imagem para pacientes oncológicos pelo Sisreg

Compartilhe
Hemoam agiliza marcação de exames de imagem para pacientes oncológicos pelo Sisreg

Amazonas – A Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam) implementou uma medida para priorizar a marcação de exames de imagem, como tomografia e ressonância, pelo Sistema de Regulação (Sisreg) para seus pacientes. O objetivo é agilizar o diagnóstico de doenças onco-hematológicas e iniciar o tratamento precocemente.

Após uma reunião entre o gerente do Serviço de Atendimento Médico e Estatística do Hemoam (Same), Alexandre Torres, e a coordenação estadual do Sisreg no mês de junho, ficou acordado que pacientes da instituição, assim como da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), terão prioridade na marcação desses exames.

Essa medida é especialmente importante para pacientes com linfomas e outras doenças oncológicas, que necessitam dos exames de imagem para estadiamento e início do tratamento. Segundo Alexandre Torres, exames que não exigem contraste podem ser marcados quase imediatamente pelo sistema, enquanto os que necessitam de contraste podem levar até um mês para serem autorizados pela rede.

Além disso, houve uma mudança na categoria do Hemoam dentro do Sisreg, passando de “fila de espera” para “procedimento regulado”. Agora, um médico regulador avalia os encaminhamentos e autoriza as consultas de acordo com a urgência e gravidade de cada caso, em vez do sistema realizar as marcações automaticamente conforme a ordem de inclusão das solicitações no Sisreg.

Durante a reunião, também foi discutido o protocolo hematológico para a marcação de consultas, que está sendo elaborado pelo Hemoam. Esse documento estabelecerá critérios para priorizar casos oncológicos, encaminhando as doenças benignas do sangue para outras unidades de saúde.

Outras mudanças foram implementadas para melhorar a assistência aos pacientes. Agora, gestantes e/ou mães com bebês com doença ou traço falciforme terão atendimento regulado pelo Sistema, sendo recebidas por uma profissional de enfermagem no Hemoam para a primeira consulta e posterior encaminhamento ao profissional especialista, conforme necessário. Além disso, médicos do Hemoam poderão encaminhar pacientes adultos a infectologistas, visando melhorar o atendimento multiprofissional aos usuários imunossuprimidos.

Essas mudanças têm como objetivo beneficiar os pacientes, proporcionando uma melhor assistência ambulatorial e de internação. O Hemoam busca constantemente ações para melhorar a qualidade do fluxo de atendimento, garantindo uma melhor experiência aos seus usuários.


Siga-nos no Google News Portal CM7