Brasília Amapá |
Manaus

Comunitários concluem curso de cuidador de idoso na zona Sul de Manaus

Compartilhe

Manaus – A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), concluiu, nesta sexta-feira, (15), as atividades de mais uma turma do curso de cuidador informal de idoso. Voltado a comunitários da zona Sul que cuidam de idosos, a atividade iniciou na última segunda-feira (11), e seguiu ao longo da semana no auditório da sede do Distrito de Saúde (Disa) Sul, no bairro São Francisco, zona Sul.

Coordenado por profissionais do Disa Sul, o curso reuniu em torno de 30 participantes, que receberam informações sobre o envelhecimento e a assistência necessária às pessoas que passam por esse processo. A formação, com carga horária total de 20 horas, teve ainda noções de saúde, psicologia, farmácia, nutrição, assistência social, enfermagem e fisioterapia, dentre outras, voltadas aos cuidados com os idosos.

A técnica da área de Saúde do Idoso do Disa Sul, Rosimary Lourenço, relatou que os cursos são realizados anualmente nos cinco Distritos de Saúde da Semsa Manaus, atendendo recomendação do Ministério da Saúde, com o objetivo de aprimorar o cuidado ofertado à população idosa na capital.

“Como profissionais da Atenção Primária à Saúde, buscamos preparar os familiares e pessoas que cuidam de idosos, principalmente aqueles acamados ou que apresentam perda de funcionalidade, para ofertar esse cuidado de forma mais adequada e segura”, apontou.

Uma das facilitadoras da formação, a farmacêutica do Disa Sul, Joyce Magalhães, orientou os participantes acerca da atenção à medicação utilizada pelos idosos, ressaltando a importância de se observar os horários de administração e a posologia prescrita pelo médico, além de buscar orientação profissional em casos de dúvidas.

“Alguns medicamentos têm interação com outros e até com certos alimentos, e o cuidador ou familiar do idoso deve consultar sempre o médico, enfermeiro ou farmacêutico, nas unidades básicas ou mesmo na farmácia, para esclarecer dúvidas”, recomendou Joyce, acentuando ainda outros cuidados, como verificar se o nome e as especificações do medicamento correspondem ao prescrito, na hora da compra.

Envelhecimento com qualidade

Um dos participantes do curso, o estudante de enfermagem e cuidador de idosos, William Stiven, conta que buscou a formação para reforçar seus conhecimentos e também para melhor assistir os idosos de sua família. Ele ressaltou a importância da iniciativa no sentido de buscar proporcionar maior qualidade de vida à população senescente.

“Eu me interessei para adquirir mais conhecimento sobre os cuidados com os idosos, e assim poder cuidar da minha avó, de quem sou cuidador, com a maior qualidade possível. Fico grato pela iniciativa da Semsa em contribuir para que a população cada vez mais tenha conhecimento sobre essa questão do cuidado com o idoso”, declarou.

A próxima turma do curso de cuidador informal de idoso será voltada aos comunitários do Disa Rural. A atividade será realizada no período de 18 a 22/9, sempre das 8h às 12h, na Unidade de Saúde da Família Rural (USFR) Nossa Senhora de Fátima, na comunidade homônima situada na região do Tarumã-Mirim, zona rural.

com informações da assessoria

Siga-nos no Google News Portal CM7