Manaus 32º
terça-feira - 20 de setembro de 2022

Mãe de piloto desaparecido há 20 dias no AM implora para autoridades: ‘ajudem a achar meu filho!’

Compartilhe
Mãe de piloto desaparecido há 20 dias no AM implora às autoridades: ‘ajudem a achar meu filho!’

Amazonas – A mãe do piloto Breno Pimentel, de 32 anos, que desapareceu no Amazonas, convocou uma coletiva de imprensa, na tarde da última segunda-feira (19), em frente ao aeroclube de Manaus para fazer, pelo para encontrar o filho, que desapareceu no dia 02 de setembro durante um voo particular que saiu de Barcelos (a 401 quilômetros de Manaus) com destino a capital do Amazonas.

Segundo Tonia Pimentel, de 62 anos, a delegacia que investiga o caso não está apresentando respostas para a família sobre as buscas ao homem. “Meu filho desapareceu, ele era acostumado a fazer esse tipo de voo. Ninguém me diz nada, eu faço um apelo para as autoridades, para o governador: me ajude a achar meu filho”.

Até o momento não há nenhuma informação sobre o que pode ter acontecido com Breno Pimentel. O desaparecimento foi registrado no 6º DIP.

Desaparecimento

A aeronave que ele pilotava foi encontrada em uma nas proximidades da cidade de Iranduba, onde fez um pouso forçado, contudo, Breno não estava no local.

A mãe do piloto, Tônia Pimentel, conta que o Aeroclube do Amazonas fez o resgate da aeronave, mas não informou à família sobre o desaparecimento do profissional.

Ela detalha que eles só descobriram a situação quando decidiram ir até ao Aeroclube depois que Breno não voltou mais para casa.

“Ele saiu do aeroclube em torno de 9h, 9h30, para fazer um voo, conforme o plano de voo, para Novo Airão. Como o piloto sai para fazer um serviço e a aeronave volta sem o piloto? Outro piloto que veio pilotando o avião que ele saiu, não nos deram notícias”, disse ela em uma coletiva convocada pela família.

A mãe de Breno pediu que as autoridades deem uma resposta, pois o desaparecimento já ocorreu há 20 dias sem notícias do paradeiro do filho.

A Polícia Civil informou que investiga o caso, mas que as investigações correm em sigilo.

Vitória Supermercados